Sobre OpenAI como pauta em 2023

Publicado originalmente no LinkedIn de Marcelo Tripoli, CEO e fundador Zmes

Qual tema da tecnologia irá pautar 2023?
 
Não tenho dúvida que falaremos sobre as aplicações e implicações da Inteligência Artificial. Finalmente depois de anos de desenvolvimento começamos a ver aplicações práticas com exemplo do ChatGPT, Dall-E, Midjourney, entre outros. Como bem disse o jornalista Luiz Gustavo Pacete, “ainda vamos discutir muito sobre o impacto do ChatGPT em várias funções e profissões”. No post, ele cita matéria do New York Times sobre as escolas locais proibindo o uso do chat por “preocupações sobre impactos negativos na aprendizagem dos alunos e preocupações com a segurança e precisão dos conteúdos”.
 
Por traz de muitas destas inovações está a OpenAI que acabou de ser avaliada em US$29B. Outras Tech companies estão correndo atrás. Um report do The Information destaca que a Microsoft planeja usar a tecnologia da OpenAI para melhorar os resultados nas pesquisas do Bing e ajudar os clientes do Word e do Outlook a gerar automaticamente documentos e e-mails usando prompts simples. Como isso impactaria o dia a dia nas empresas?

O texto vai além e lembra que a OpenAI não é a única startup nesse cenário a atrair atenção de gigantes como Google, Amazon e Meta. Há outras iniciativas focadas em criar seus próprios modelos para aprender nuances de escrita e fala.
 
Entre os exemplos está a Adept AI Labs. Fundada em 2021, ela pode automatizar tarefas quando recebe instruções. O time fundador tem profissionais que saíram da divisão de AI do Google e do próprio OpenAI. Outro destaque é a Inflection, ainda mais recente, de 2022. No site a empresa comenta que os avanços em AI prometem redefinir a interação homem-máquina. “Em breve teremos a capacidade de retransmitir nossos pensamentos e ideias para computadores usando a mesma linguagem natural de conversação que usamos com as pessoas.”
 
Será? O que você acha?

Você pode gostar
Leia mais

Sobre muros e o fim dos cookies

Publicado originalmente no LinkedIn de Henrique Makauskas, Co-Founder and CTO na Zmes Cartoon by Tom Fishburne Novamente estamos nos aproximando…
Leia mais

Sobre WhatsApp e superapps

Publicado originalmente no LinkedIn de Henrique Makauskas, Co-Founder and CTO na Zmes O Brasil está na rota do Facebook Meta para reinventar…
Leia mais

Sobre as descobertas por acaso

Publicado originalmente no LinkedIn do Henrique Makauskas, Co-Founder and CTO na Zmes Há sempre algo novo esperando um olhar atento!…